Centro de Simulação Biomédica com uma parturiente robot

«Os Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC) dispõem a partir desta segunda-feira [08-12-2008] do primeiro Centro de Simulação Biomédica do país, destinado a treinar clínicos e equipas para intervir em doentes em situação crítica, noticia a Lusa.

[…] O centro está dotado de robôs que simulam as funções humanas, de adultos, de um bebé, uma criança e até de uma parturiente, bem como de modelos cirúrgicos para treinos em órgãos específicos.

[…] O centro dispõe de quatro salas: de parto e gravidez, de adultos e crianças, de treinos de gestos clínicos e de cuidados intensivos e enfermagem. Cada uma delas está dotada dos robôs respectivos, e dos equipamentos necessários, como se se tratasse de um ambiente hospitalar com pacientes reais.

[…] «Aqui pode-se errar e repetir as vezes necessárias até se fazer bem», sublinhou Martins Nunes, director do Serviço de Anestesiologia dos HUC, de que depende o novo centro.

Segundo o seu responsável, trata-se de um centro para servir o país, com um perfil multidisciplinar, pois abrange todas as áreas que tem cuidados críticos.

Fernando Regateiro, presidente do Conselho de Administração dos HUC, destacou o facto de ser possível reduzir o tempo de formação pós-graduada, por se poder recorrer a robôs que reproduzem a fisiologia humana. […]»

Fonte: Portugal Diário (IOL), 08-12-2008

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *