Extrair o leite correctamente

Expressar o leite materno é uma competência instruída por isso é necessário bastante tempo e paciência para dominar essa habilidade. Não se sinta decepcionada se extrair pouco leite pela primeira vez. Considere as suas primeiras extracções como sessões da prática.

– Antes de usar um extractor pela primeira vez, leia e siga as instruções de utilização.

– Lave as mãos antes de começar a extrair o leite.

– Encontre um lugar confortável para extrair o leite.

– O mamilo deve estar centrado no funil (peça do extractor que encosta ao peito).

– Humedeça o funil do extractor para permitir um vácuo maior.

– Comece por extrair no nível de vácuo mais reduzido e vá aumentando à medida que se sinta mais confortável. Para uma extracção bem sucedida do leite, massaje o peito antes e ocasionalmente durante a extracção para incentivar a ejecção e fluxo do leite.

– A extracção dupla (nos dois seios em simultâneo) diminui o tempo de extracção, e aumenta o nível do prolactina.

– A extracção do leite nunca deve ser dolorosa. Se sentir alguma dor interrompa imediatamente a extracção com o extractor e peça ajuda a um profissional de saúde. Não arrisque danificar o tecido sensível do peito pelo uso incorrecto de um extractor de leite.

Um extractor é uma máquina e não estimulará os mesmos sentimentos. Seja paciente e delicada consigo.

Fonte: Medela, Bacelar

Bébé Confort Coimbra participa no evento Volta da Carta Europeia da Segurança Rodoviária 2008

Decorreu a 20 de Junho, em Lisboa, no Auditório da Representação da Comissão Europeia, uma sessão de apresentação da Carta Europeia da Segurança Rodoviária (CESR) e assinatura de compromissos por parte de novas entidades aderentes. O evento foi presidido pelo Ministro da Administração Interna, Rui Pereira e contou com a presença da Bébé Confort Coimbra.

Lançada pela Comissão Europeia há quatro anos, a Carta faz parte do Programa de Acção para a Segurança Rodoviária e tem como ojectivo reduzir para metade o número de mortos nas estradas europeias até 2010. O lema da Carta – “25 mil vidas a salvar” – traduz a ambição deste projecto.

Este evento serviu essencialmente para divulgar a assinatura da Carta por parte de mais 25 entidades portuguesas, entre as quais os Governos Civis de Aveiro, Castelo Branco, Viseu e outros 9 distritos, elevando assim o número de signatários portugueses para 49.

A Bébé Confort Coimbra assinou a Carta em Abril de 2007 a convite da sua coordenadora, Maria Teresa Sanz-Villegas, que esteve presente em Lisboa para apresentar a iniciativa como representante da Comissão Europeia. Esta foi uma boa oportunidade para trocar impressões com a coordenadora da CESR. Foi-lhe exposto o conjunto de actividades já desenvolvidas pela Bébé Confort Coimbra no âmbito do seu compromisso com a CESR e foram discutidas novas acções a empreender no futuro.

Para a coordenadora da Carta a dimensão da Bébé Confort Coimbra (minúscula quando comparada com a dos Governos Civis ou de outras empresas signatárias como a Brisa ou os CTT) não deverá constituir um obstáculo para continuar a apresentar iniciativas originais e inovadoras. Para Maria Teresa Sanz-Villegas, é exactamente a participação de um conjunto heterogéneo de empresas, organismos públicos e entidades da sociedade civil de todos os géneros que constitui uma oportunidade única para agir de forma directa e decisiva para reduzir o número de vítimas de acidentes rodoviários.

Até Junho de 2008, já mais de 1.000 entidades na Europa tinham aderido à Carta.

O que é a Carta Europeia da Segurança Rodoviária

A Carta Europeia da Segurança Rodoviária faz parte do Programa de Acção para a Segurança Rodoviária, lançado pela Comissão Europeia há quatro anos com um objectivo ambicioso: o de reduzir para metade o número de mortes nas estradas europeias até 2010.
A Carta reúne empresas, organismos públicos e entidades da sociedade civil e constitui uma oportunidade única para agir de forma directa e decisiva para reduzir o número de vítimas de acidentes rodoviários, avaliar resultados e trocar ideias e medidas bem sucedidas. Até Junho de 2008, já mais de 1.000 entidades na Europa tinham aderido à Carta. Ao fazê-lo, comprometem-se a dar uma resposta concreta aos problemas de segurança nas estradas com que se confrontam no seu trabalho diário e nas suas vidas.

A Bébé Confort Coimbra é signatária da Carta Europeia de Segurança Rodoviária desde Abril de 2007.

CESR Promove Segurança Rodoviária

Vai ser apresentada no Auditório da Representação da Comissão Europeia em Lisboa a Carta Europeia de Segurança Rodoviária (CESR). O Evento terá lugar amanhã, dia 20 de Junho e contará com a presença de Rui Pereira, ministro da Administração Interna. A Bébé Confort Coimbra também estará presente como um dos primeiros signatários Carta Europeia de Segurança Rodoviária, em Abril de 2007.

«A CESR é um fórum e uma plataforma promovida pela Comissão Europeia, no âmbito do Programa de Acção para a Segurança Rodoviária, que permite aos utilizadores a troca de experiências e de novas ideias sobre segurança rodoviária na Europa. A consciencialização dos cidadãos para a necessidade urgente de reduzir os acidentes rodoviários é o principal objectivo desta iniciativa.

Lançada há quatro anos, a CESR pretende reduzir para metade o número de mortes nas estradas europeias até 2010. Portugal encontra-se em quinto lugar entre os países comunitários que mais reduziram o número de mortes na estrada. De acordo com o comunicado do Ministério da Administração Interna, em 2006 assistiu-se a uma redução de 42 por cento do número de vítimas mortais em relação ao ano de 2001.»*

*Fonte: Portal do Cidadão

O meu filho consegue libertar o arnês da Maxi-Cosi Tobi. O que fazer?

Com efeito, as crianças pequenas podem às vezes libertar-se do arnês. Frequentemente, isto acontece porque o arnês da cadeira não está suficientemente tensionado. Constatamos que muitos pais consideram “desagradável” tensionar bem o arnês. Contudo, isto é de importância vital para a segurança do seu filho e para o funcionamento correcto da Maxi-Cosi Tobi. Tensione suficientemente o arnês, de forma a caberem, no máximo, 2 dedos entre o seu filho e o arnês. Verifique também, antes de partir, se o indicador está verde.

Atenção: este indicador serve apenas como um auxílio na instalação. Entre vermelho/verde ou prata/verde há apenas uma diferença de poucos milímetros. Assim, a cor pode alterar-se com o movimento do seu filho. O importante é que, no momento da partida, os cintos de segurança estejam bem tensionados e que o indicador esteja verde. O indicador existe para lhe recordar esse aspecto.

Fonte: Maxi-Cosi

Portugal: No rumo certo para estradas mais seguras

A Bébé Confort Coimbra foi convidada para participar numa sessão de apresentação da Carta Europeia da Segurança Rodoviária na Representação da Comissão Europeia em Portugal. A Bébé Confort é signatária da Carta Europeia de Segurança Rodoviária desde Abril de 2007.

Comunicado de imprensa alusivo ao evento:

«A Carta Europeia da Segurança Rodoviária passa agora por Lisboa. A 20 de Junho de 2008, no Auditório da Representação da Comissão Europeia e com a presença de Rui Carlos Pereira, Ministro da Administração Interna, haverá uma sessão para apresentação da Carta e assinatura de compromissos.

Cerca de 100 representantes de empresas, de associações e de organismos públicos portugueses irão participar na sessão, todos motivados pelo mesmo objectivo de reduzir o número de mortes nas estradas. Maria Teresa Sanz-Villegas, a representante da Comissão Europeia e coordenadora da Carta Europeia da Segurança Rodoviária, fará a apresentação desta iniciativa e dos objectivos para os próximos três anos.

Portugal está entre os primeiros cinco países da Europa que reduziram significativamente o número de mortes em acidentes rodoviários desde a publicação em 2001 do Livro Branco da Comissão Europeia sobre a Política Europeia de Transportes. Em 2006 registaram-se menos 800 mortes em acidentes de estrada do que em 2001, o que representa uma redução de 42% do número de vítimas mortais (Fonte: CARE, Base de dados comunitária sobre acidentes rodoviários, Eurostat, publicações nacionais).

Mesmo assim, é necessário dar continuidade aos esforços feitos para aumentar a consciencialização relativa a esta questão vital que afecta cada um de nós dia após dia. A meta da Comissão Europeia é a de salvar 25 mil vidas por ano nas estradas europeias até 2010 e em Portugal, como em qualquer outro país da Europa, cada compromisso conta, venha ele duma empresa, duma associação, duma instituição, duma sociedade ou duma entidade pública, pequenas ou grandes. Cada membro signatário da Carta é encorajado a activamente assumir compromissos novos e criativos a serem concretizados, avaliados e, posteriormente, divulgados no sítio web da Carta.

Desde municípios a clubes de ciclismo, o leque de signatários portugueses é tão diversificado como a gama dos compromissos em acção: associações e instituições portuguesas bem como empresas dos mais variados sectores de actividade já se comprometeram com a Carta. Entre estes estão: a Brisa (o maior operador português de auto-estradas); a Deco (Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor); a Equalchance, Consultoria e Formação; os CTT – Correios de Portugal; a Carris (Companhia Carris de Ferro de Lisboa); a Gare (Associação para a Promoção de uma Cultura de Segurança Rodoviária); a Apsi (Associação para a Promoção da Segurança Infantil) e a Anebe (Associação Nacional de Empresas de Bebidas Espirituosas).

A sessão terá lugar no dia 20 de Junho às 15h no Auditório da Representação da Comissão Europeia, Largo Jean Monnet, 1-10º, 1269-068 em Lisboa e seguidamente serão servidos refrescos.»

Fonte: Comunicado de imprensa da ERS Charter.

Amamentar depois de voltar ao trabalho


Mesmo que tenha de voltar ao trabalho pode continuar a amamentar. Com algum planeamento, é possível combinar com sucesso o trabalho e a amamentação:

– Tente permanecer em repouso tanto quanto possível.

– Aproximadamente duas semanas antes de começar a trabalhar é útil aprender a extrair o seu leite e saber armazená-lo. Comece por armazenar algum leite de forma a ter sempre a quantidade necessária se estiver ausente.

– Verifique se tem possibilidade extrair e armazenar o seu leite no seu local de trabalho.

– Familiarize o seu bebé com a pessoa com quem vai ficar durante a sua ausência.

– Introduza o biberão ao seu bebé ou tente métodos de alimentação alternativa quando você estiver ausente.

– Tente arranjar um horário de trabalho flexível.

Fonte: Medela, Bacelar

Principais características do Quinny Zapp


  • Design atractivo
  • Ideal para viajar em qualquer tipo de transporte (bicicleta, carro, comboio, avião)
  • O carrinho mais pequeno, quando fechado, alguma vez concebido (69 x 29 x 30 cm)
  • Sistema de viagem ideal em combinação com a Maxi-Cosi CabrioFix
  • Roda da frente giratória, facilmente manuseável
  • Inclui protecção solar, protecção de chuva, saco de viagem e adaptadores para encaixar a Maxi-Cosi CabrioFix
  • Aprovado em conformidade com o regulamento EN 1888, BS7409 e NF S 54-001
  • Zapp & Maxi-Cosi CabrioFix
  • Inclui protecção de chuva
  • Inclui protecção solar
  • Inclui saco de viagem